Notícia publicada em 07/05/2019 - 18:29:18 | GERAL

 

Presidente Laerte Gomes garante apoio para Hospital Santa Marcelina em Porto Velho

 

Na manhã desta terça-feira (7), o presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB), acompanhado dos deputados Adelino Follador (DEM), Jair Montes (PTC) e Rosângela Donadon (PDT), recebeu a diretora da Casa de Saúde Santa Marcelina, irmã Lina Maria Ambiel e a gerente administrativa da instituição, Carla Ferreira Gomes.“Elas vieram nos visitar e solicitar de todos os parlamentares, recurso para a manutenção e custeio no incremento de insumos voltados à assistência hospitalar de média e alta complexidade”, explicou Laerte.

 

A Casa de Saúde Santa Marcelina é uma entidade filantrópica, conveniada com o Ministério da Saúde e realiza mais de 750 atendimentos/dia, sendo 96% de pacientes SUS.

 

É referência em todo o estado em tratamento de hanseníase, cirurgias oftalmológicas, em especial cataratas, além de possuir a única Oficina Ortopédica que atende sequelados de acidentes e necessitados de meios de locomoção.

 

Segundo irmã Lina, o Hospital Santa Marcelina disponibiliza 100 leitos de internação como retaguarda para o Hospital e Pronto Socorro João Paulo II.“E em razão da grande porcentagem de atendimentos aos usuários do SUS e da tabela de valores dos serviços, defasada em 60%, não possuímos recursos para investimentos em obras de reforma nas edificações e para o custeio de todos os tratamentos aqui realizados, com a qualidade Santa Marcelina”, destacou irmã Lina.

 

O presidente explicou que no momento a Assembleia passa por um período de economia, cortando despesas em todas as áreas, desde diárias, combustível, energia elétrica e itens de todos os setores.

 

“E é com o resultado dessa economia que, no mês de agosto, nos reuniremos com os demais deputados e a direção do Hospital Santa Marcelina para, juntos, destinarmos recurso para ajudar essa importante entidade que presta um serviço de excelência ao povo de Rondônia, serviço esse, muito pouco reconhecido pelo poder público, diga-se de passagem”, declarou Laerte Gomes.

 

 

 

Texto: Juliana Martins

 

Fotos: Diego Queiroz

 

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades